Fábrica ilegal de palmito juçara na Mata Atlântica é destruída

Mais de 300 unidades do palmito foram apreendidas em área de proteção ambiental

Por Redação 10/08/2017 - 20:00 hs
Foto: TV Tribuna
Fábrica ilegal de palmito juçara na Mata Atlântica é destruída
Fábrica clandestina no meio da Mata Atlântica é localizada pela Polícia Ambiental

 Uma equipe da Polícia Ambiental localizou nesta terça-feira (08), um acampamento ilegal de extração e processamento de palmito juçara dentro do Parque Estadual de Lagamar, na cidade de Cananéia. O Parque fica localizado em uma área de preservação da Mata Atlântica.

Palmito juçara apreendido pela Polícia Ambiental

 Segundo a Polícia, cerca de 326 unidades do palmito foram apreendidas nesta operação. No local os policiais também encontraram fogareiros improvisados e embalagens para preparar e armazenar os produtos. Também foram encontrados rótulos de diferentes marcas, vidros e tambores. Tudo sem as mínimas condições de higiene.

LEIA TAMBÉM

Traficantes são presos com grande quantidade de drogas

 Este é o segundo caso em menos de 15 dias de flagrante de fábricas ilegais de palmito na região. Nesta operação ninguém foi preso. A equipe da polícia apreendeu todos os produtos encontrados e o acampamento foi destruído.