Polícia Civil prende acusado de série de crimes contra idosos em Registro


Polícia Civil prende acusado de série de crimes contra idosos em Registro

Agressor foi identificado através de imagens de câmeras de segurança enquanto praticava os crimes na cidade

Por Francine Zanetti 08/06/2018 - 15:00 hs

 Uma equipe da Delegacia de Investigações Gerais (DIG) de Registro divulgou nesta sexta-feira (08) a captura do suspeito acusado de cometer diversos crimes contra idosos na cidade. O homem, identificado apenas pelas iniciais W.E.S.D.F., de 34 anos de idade é natural de Registro e foi preso próximo à rodoviária, enquanto tentava fugir da cidade.

 Nos últimos meses, diversos casos de extrema violência e agressões contra idosos foram registrados em várias regiões da cidade. Através de intensas investigações, recolhendo provas como impressões digitais, coletas de fragmentos e imagens de câmeras de monitoramento, a polícia civil chegou até a identidade do suspeito.

 Segundo divulgações confirmadas pelo Delegado Dr. Marcelo Freitas, as investigações duraram quase dois meses e estavam sendo mantidas em sigilo. O suspeito havia fugido para a cidade de São Paulo e estava sendo monitorado pelos investigadores. Ainda segundo informações, o acusado teria retornado para Registro na noite desta quinta-feira (07) e já se preparava para fugir novamente.

 Pelo menos dois crimes do qual o suspeito está sendo acusado foram filmados por câmeras de segurança. Os assaltos chamam a atenção pela extrema brutalidade e violência com a qual eram praticados. As vítimas, pessoas idosas, eram espancadas mesmo após estarem caídas e não oferecem qualquer resistência ao assalto.

 O agressor foi interrogado e confessou a autoria de três crimes cometidos com brutalidade contra pessoas idosas. W.E.S.D.F. pode ainda ser o autor de outros crimes graves ocorridos na cidade, porém as investigações seguem em sigilo. O criminoso possui outras condenações por diversos crimes. Ele foi encaminhado à cadeia pública da cidade, onde permanecerá preso à disposição da justiça.