Comunidade realizará Feira de Troca de Sementes e Mudas Tradicionais dos Quilombos do Vale do Ribeira

Realizada na cidade de Eldorado, a feira já está em sua décima segunda edição

Por Redação 02/08/2019 - 16:12 hs
Foto: Reprodução Internet

 

Será realizado, nos dias 16 e 17 agosto, a 12° Feira de Troca de Sementes e Mudas Tradicionais dos Quilombos do Vale do Ribeira. O evento ocorrerá em Eldorado e contará com seminário, danças, música, oficinas, troca de sementes e vendas de produtos tradicionais da comunidade. O seminário e a feira são abertos ao público e ocorrem no centro da cidade.

Segundo a organização, neste ano, os chefs Thiago Andrade e Max Jacques , do Instituto Brasil a Gosto, ministrarão a aula, gratuita, Sabores da Roça, com ingredientes cotidianos do quilombo como banana, maná cubiu e mandioca.

Tendo a duração de dois dias, a ocasião também oferecerá atividades voltadas às crianças. Ainda segundo a organização, a 12° Feira de Troca de Sementes e Mudas dos Quilombos da região é a primeira a ser realizada após o registro no IPHAN do Sistema Agrícola Tradicional Quilombola como patrimônio cultural brasileiro.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE 

No dia 16, a feira será realizada no Salão Paroquial de Eldorado e, das 9h às 12h, ocorrerá o seminário “Sementes tradicionais e soberania alimentar”. Já das 14h às 17h, no mesmo local, serão realizadas as oficinas temáticas, sendo: “Conhecendo, selecionando e protegendo variedades tradicionais”; “Sabores da roça”; “Trocas de sabores sobre sementes florestais”.

No dia 17, a feira acontecerá na Praça Nossa Senhora da Guia, que contará com troca de sementes e mudas, apresentações culturais e venda de produtos tradicionais das comunidades.

Na 12° Feira de Troca de Sementes e Mudas dos Quilombos, também ocorrerá o lançamento do livro “Sistemas Agrícolas Tradicionais no Brasil”.

Sobre a feira

Há 12 anos, as comunidades quilombolas do Vale do Ribeira e seus parceiros organizam a feira de troca de sementes e mudas. A ideia ganhou corpo em 2008 e a praça Nossa Senhora da Guia, em Eldorado, tornou-se o palco da festa quilombola. Daí em diante, só fez crescer.

Um paiol de sementes foi inaugurado em 2016 – um banco de sementes para conservar e preservar uma amostra completa das variedades agrícolas cultivadas nos quilombos da região. E, a cada ano, novas variedades aparecem e são incorporadas a uma lista de fazer inveja aos pesquisadores mais exigentes.