Instituto Meteorológico emite alerta de onda de calor na região

Em casos de dúvidas o órgão recomenda que a população procure a Defesa Civil ou Corpo de Bombeiros

Por Redação 10/09/2019 - 16:23 hs
Foto: Registro Diário
Instituto Meteorológico emite alerta de onda de calor na região
Termômetros podem registrar mais de 30°C ao longo do dia

 

Uma massa de ar quente e seco predomina no estado de São Paulo. Devido a isso, o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu alerta para onda de calor na região. A onda de calor permanecerá até quarta-feira (11) por conta da atuação de um bloqueio atmosférico.

De acordo com o Inmet, o período vespertino será causado pela intensa sensação de calor e abafado nos municípios paulistas. Essa condição favorecerá a queda acentuada da umidade relativa do ar, que estará variando entre 30% e 20%, abaixo do recomendado pela Organização Mundial da Saúde (OMS).

Entre as regiões mais afetadas estão Litoral Sul/Baixada Santista/Vale Do Ribeira, Campinas, Bauru/Araraquara/Piracicaba, Itapetininga, Sorocaba/Brangança Paulista, Vale Do Paraíba/Litoral Norte, Metropolitana De Sao Paulo e Serra Da Mantiqueira.

Em casos de dúvidas o órgão recomenda que a população procure a Defesa Civil no telefone 199 ou Corpo de Bombeiros no 193.

Previsão do tempo

De acordo com o instituto meteorológico, Clima Tempo, as temperaturas seguem em rápida elevação ao longo do dia e a máxima passa dos 30°C por quase todas as cidades.

Segundo os meteorologistas, a tendência para os próximos dias ainda é de muito sol e calor em todo o estado. As temperaturas vão continuar passando dos 30°C e, pelo menos até quarta-feira (11), não há expectativa de chuva.

CONTINUA APÓS A PUBLICIDADE

 

Baixa umidade

De acordo com a OMS, o nível ideal de umidade relativa do ar é entre 60% e 80%. Quando o índice aponta níveis abaixo de 20% à situação é considerada emergencial. Para evitar danos à saúde recomenda-se:

Não pratique nenhum tipo de atividade física com exposição ao sol

Permaneça em locais protegidos do sol ou arborizados

Evite aglomerações em ambientes fechados

Usem chapéus, bonés, guarda-sol e protetor solar

Orienta-se também a ingestão de líquidos para evitar problemas de desidratação