Tooro Nagashi de Registro reúne cerca de 20 mil pessoas; Confira os melhores momentos

O tradicional Tooro Nagashi de Registro é pioneiro no país, constituindo-se no maior e principal evento da colônia japonesa no sul do Estado de São Paulo

Por Redação 05/11/2019 - 09:06 hs
Foto: Registro Diário

Tooro Nagashi de Registro, um dos maiores eventos do município, já em sua 65ª edição, aconteceu nos dias 1, 2 e 3 de novembro e reuniu cerca de 20 mil pessoas. Sendo realizado na Praça Beira Rio, o evento proporcionou muita música, dança e a culinária típica.

No anoitecer do dia 02 (sábado), dias dos Finados, os turistas e munícipes puderem ver tanto o Rio Ribeira de Iguape, quanto o céu completamente iluminados. Cerca de 2 mil Tooros (barquinhos com velas acesas), que contém os nomes dos falecidos homenageados, foram soltos nas águas do rio durante a celebração, além do show de fogos de artifício.

O 65º Tooro Nagashi é realizado pela Associação Bunkyo e com patrocínio do Governo do Estado Secretaria de Insfraestrutura e Meio Ambiente e Sabesp, com Apoio da Prefeitura Muncipal de Registro e Sesc Registro. O evento conta ainda com o Apoio Cultural da Amavales, Acer, Arteris, Angelus e Sicredi.

Confira a abertura oficial do evento

Música e dança

Nos três dias de evento, o público pôde desfrutar com danças tradicionais da cultura japonesa. O Bon Odori tem uma relação profunda com os costumes étnicos locais, simbolizando a colheita. Dança-se ao som de vários tipos de música juntamente ao som do taiko (tambores japoneses), ou incluindo outros instrumentos, como a flauta e o shamisen (instrumento de cordas japonês).

Além do Bon Odori, o Tooro Nagashi também contou com o famoso Matsuri Dance, que é um estilo musical desenvolvido pelo Grupo Sansey, durante a realização da primeira edição do Londrina Matsuri - Festival Japonês na Praça Nishinomiya, em 2003. No Matsuri Dance, as músicas misturam ritmo ocidentalizado como o pop, rock, funk entre outros, com ritmo "ondo". O estilo pode ser considerado a genuína "dança da integração", sem restrição de idade, sexo e nacionalidade.

Principais atrações

Os três dias de celebração contou com diversas atrações que agitaram o público. Uma delas é o grupo de taiko de Registro, Ribeira Ryofu Daiko, que se apresenta em todos os anos do evento. O grupo possui cerca de 70 tocadores e chamou a atenção após encher o palco de energia, alegria e muito taiko. O grupo se apresentou durante os três dias de Tooro Nagashi.

O grupo taiko Ookami Drums, também foi um dos destaques do evento. Com seis tocadores, o grupo chamou a atenção do público com o seu estilo único de tocar. OOKAMI na língua japonesa significa Lobo, que é um animal que se adapta tanto em grupo, como sozinho. Antigamente o lobo era muito venerado no Japão, pois espantava os corvos nas plantações. Tanto que a palavra OOKAMI também significa Grande Deus.

Confira os melhores momentos do primeiro dia de Tooro Nagashi

Os cantores Sergio Tanigawa Karen Ito também deram um show durante a celebração. Além de cantarem músicas conhecidas na comunidade japonesas, eles também cantaram músicas muito populares no Brasil.

Minyo Yamatokai do Bunkyo de Registro encantou com suas danças folclóricas. Dançando ao som dos tambores japoneses, este estilo vem origem budista e remete à vida em comunidade e à continuidade da vida. A dança teve origem em comunidades agrícolas e de pescadores, geralmente comemorando a farta colheita do arroz ou a época de pesca.

Confira os melhores momentos do segundo dia celebração

 

Atividades abertas ao público

Quem foi prestigiar o evento pôde realizar diversas atividades típicas da comunidade japonesa. Uma delas foi o Shodô, que é a caligrafia japonesa. Além da demonstração de como transformar a caligrafia oriental em arte, o público pôde apreciar a habilidade da escrita japonesa e levar para casa o seu nome, o de um ente querido ou uma frase escrita com caractere japonês.

O Tooro Nagashi também contou com um workshop gratuito feito pelo Ribeira Ryofu Daiko, o grupo de taiko de Registro. Na ocasião, todos puderem aprender sobre a história do instrumento, como ele é feito e ainda tiveram a oportunidade de aprender a tocar. As aulas foram ministradas pelos próprios membros do grupo.

A cultura geek também tomou conta do evento. Foi realizado o concurso de Cosplay, onde os interessados em participar realizaram sua inscrição antecipadamente. Foram diversas apresentações e vencedores do concurso receberam o prêmio em dinheiro, sendo o 1º R$ 300,00; 2º R$ 200,00 e 3º 100,00.

Vale destacar que o Cosplay consiste em se fantasiar como seus personagens favoritos de desenhos animados, quadrinhos, séries, filmes e todo o vasto universo do entretenimento, com o intuito de ir aos eventos de cultura pop, fazer ensaios fotográficos ou participar de concursos.

Confira os melhores momentos da última noite de Tooro Nagashi

 

Atos simbólicos e religiosos

Tooro Nagashi é um evento tradicional que tem o intuito de homenagear os antepassados. Em uma linda cerimônia as lanternas de papel são levadas pelo vento nas águas do Rio Ribeira. As luzes servem para iluminar o caminho das almas e propagam a paz. Essa cerimônia inter-religiosa é realizada no Monumento das Almas. Além disso, também houve um culto da Seicho No Ie às vítimas de acidentes na BR 116, com a participação das demais religiões.