Polícia fecha fábrica ilegal de palmito e duas pessoas são detidas em Sete Barras

Fábrica era localizado na estrada do Guapiruvu. Duas pessoas foram detidas no local

Por Redação 11/02/2020 - 15:02 hs
Foto: Divulgação / Polícia Militar Ambiental

A Polícia Militar Ambiental fechou uma fábrica ilegal de palmitos no município de Sete Barras. O caso aconteceu nesta terça-feira (11), no bairro Formoso. Duas pessoas foram detidas no local.

De acordo com as autoridades, os policiais se dirigiram até a estrada do Guapiruvu, na altura do km 05, por volta das 12h00. No local, os agentes flagraram a fábrica ilegal de palmitos pupunha em pleno funcionamento.

Um homem e uma mulher foram encontrados no local. Segundo a polícia, eles tentaram fugir pela mata, mas foram alcançados pelos agentes.

Na fábrica, foram localizados e apreendidos:

- 96 vidros de 1,8 kg cada, contendo palmitos, totalizando 172,8 kg;
- 66 vidros com capacidade para 1,8 kg cada, vazios;
- 216 vidros com capacidade para 180g, vazios;
- 11 tampas de metal para vidros de 1,8 kg;
- 02 picadores industriais;
- 01 medidor de madeira;
- 01 tacho de alumínio com capacidade para 500 litros.

A ocorrência foi registrada na Delegacia Sede de Sete Barras, onde foi lavrado o Auto de Exibição e Apreensão.